21 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Ladrões são flagrados em bueiro tentando furtar cabos que deixariam 4.000 sem internet em SP

Três homens foram presos na madrugada desta sexta-feira (29) no interior de uma galeria subterrânea na zona norte de São Paulo tentando furtar 2 toneladas de cabo telefônico que poderiam deixar até 4.000 usuários sem internet na região da Freguesia do Ó.

Segundo a Polícia Civil, os suspeitos já haviam separado 200 metros de cabos, que acabaram esticados em uma rua do bairro pela manhã. O flagrante ocorreu por volta das 3h30.

De acordo com o Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), o setor de segurança de uma operadora de telecomunicações recebeu alerta sobre um suposto furto que estaria ocorrendo no interior de uma galeria subterrânea onde passavam os cabos de telecomunicação e internet

A partir daí, policiais civis da 3ª Delegacia Patrimônio passaram a fazer diligências na região e encontraram o trio após uma tampa de bueiro ser erguida na praça Silva Mafra.

Os policiais também apreenderam uma Volkswagen Kombi que seria utilizada no transporte dos cabos furtados.

A polícia não informou se o trio tem defesa constituída.

No último dia 10, três pessoas já tinham sido presas após invadir o pátio de Presidente Altino, da linha 9-esmeralda de trens metropolitanos, em São Paulo, com ferramentas específicas de corte de cabos.

No centro da capital paulista, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) aumentou a altura dos semáforos de pedestres para tentar evitar o roubo e furto de cabos, além de vandalismo.

De acordo com a empresa que controla o trânsito paulistano, entre 2019 e 2022, o crescimento foi de 206,5%, partindo de 1.969 para 6.035, no período.

No primeiro trimestre de ano, foram registrados 2.018 casos em semáforos, que resultaram em 211,3 km de cabos furtados. O volume é quase o dobro do registrado nos três últimos meses de 2022, quando foram furtados 115,1 km de cabos na cidade.

No último dia 5, a Câmara Municipal aprovou a criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apurar o furto de fios e cabos de cobre na capital. O requerimento para abertura da comissão foi apresentado pelo vereador Coronel Salles, do PSD.

A CPI busca identificar autores e receptadores, medir os impactos na cidade (falta de iluminação, semáforos desligados, acidentes de trânsito, depredação de postes) e sugerir soluções.

Neste ano, a Polícia Civil disse ter aprendido 16,2 toneladas de cobre em ações realizadas em ferros-velhos e 20 pessoas foram presas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *