Juninho Pernambucano explica opção no Lyon pelo técnico estreante Sylvinho

O Lyon apresentou oficialmente nesta terça-feira seu novo diretor esportivo, Juninho Pernambucano, e seu novo treinador, Sylvinho. Em entrevista coletiva, Juninho não escondeu o orgulho pelo retorno ao clube onde conquistou sete títulos nacionais consecutivos. Contou que há dois anos já conversava com o presidente Jean-Michel Aulas. E revelou que a contratação de Sylvinho, que pela primeira vez assume o comando de uma equipe, foi sua.

– Eu imediatamente pensei em Sylvinho. Ele conheceu a Premier League no Arsenal (como jogador) e atuou pelo Barcelona. Ele foi auxiliar de (Roberto) Mancini (no Manchester City e Inter de Milão) e Pep Guardiola (no City). Ele sempre fez um bom trabalho. Acredito na sua qualidade humana – salientou o ex-jogador e comentarista, que exercia o cargo de consultor do Lyon há quatro anos.

– Agradeço ao presidente Jean-Michel Aulas pela sua confiança. Eu tentei pegar um técnico que dará continuidade ao trabalho de Bruno Genesio (ex-treinador do Lyon). Acho que o conhecimento tático do Sylvinho vai ajudá-lo – observou Juninho, salientando que o trabalho já começa nesta quarta-feira com ele e Sylvinho observando a final da Liga Europa entre Chelsea e Arsenal.

Sylvinho, que estava trabalhando como auxiliar de Tite na seleção brasileira, agradeceu a oportunidade.

– Este é um dia muito importante para mim. Estou muito feliz por estar aqui. Este é um grande projeto para mim com pessoas de confiança, como Juninho e o presidente Aulas – disse Sylvinho, que assinou contrato por dois anos.

Empolgado, como de costume, Sylvinho falou como pretende colocar o time para jogar.

– Eu quero jogar num 4-3-3. Quero atuar no campo adversário com um estilo ofensivo. Eu quero jogar futebol com inspiração e alma. O melhor jogador da nossa equipe é Lyon!

Jean-Michel Aulas também falou sobre a chegada da dupla, especialmente do retorno de Juninho.

– Eu tentei convencer Juninho a voltar 10 anos depois para o Lyon. Gostaria de agradecê-lo do fundo do meu coração. Ele vai tomar conta da direção esportiva. Pedi a ele para nos oferecer um treinador. E estou muito contente de ser o Sylvinho. Meu grande projeto foi o retorno de Juninho, e encontrei uma pessoa tão forte como no passado com uma força interior incrível – afirmou Aulas.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: