Jornalista suíço busca autor de carta escrita em Londrina há quase 32 anos e encontrada em trem, na Europa

Um jornalista suíço está à procura do autor de uma carta escrita há quase 32 anos em Londrina, no norte do Paraná, e encontrada em um vagão de um trem do país europeu, que viajava entre as cidades de Berna e Zurique.

Lucas Orellano disse que a princípio achou que alguém tinha jogado um papel fora. Mas, depois, percebeu que não se tratava de lixo.

“Dei uma olhada melhor e vi que era bem velho. Olhei de novo e vi que era uma carta, e eu pensei: ‘É bem antigo, deve ter um valor sentimental para alguém'”, contou o jornalista.

Carta escrita em Londrina, em 1989, foi achada em trem da Suíça — Foto: Lucas Orellano/Arquivo pessoal

Carta escrita em Londrina, em 1989, foi achada em trem da Suíça — Foto: Lucas Orellano/Arquivo pessoal

A carta tem a data de 8 de dezembro de 1989. Quem escreveu colocou apenas o primeiro nome, Markus, e não escreveu o destinatário, apesar de dizer “Querida avó”.

Na carta, Markus escreveu que estava em Londrina fazendo um trabalho de campo e pesquisa em lavouras de rami, que é usado para produzir tecidos para confecção.

Ele também diz na carta que achava as pessoas muito simpáticas em Londrina, que era um povo que não tinha muito, mas estava sempre alegre e gostava de conversar com os suíços.

“Querida avó, agora estou no Brasil, do outro lado do mundo. Cheguei bem, é ótimo aqui, mas é um pouco estranho porque é quase Natal e porque aqui está fazendo 30º C. Então, isso não me lembra muito o Natal”, escreveu na carta.

Após encontrar a carta, o jornalista publicou o documento no site do jornal em que trabalha na Suíça. Apesar disso, até agora, ninguém se apresentou como autor da mensagem.

“As pessoas escrevem muito e sobre tudo, hoje em dia. Mas, aqui, alguém tirou um tempo e pensou sobre o que ia escrever. É algo diferente quando você pode segurar nas suas mãos, eu acho que tem muito mais significado”, contou Orellano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: