20 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Jardim Botânico do Rio promove seminário sobre fotografia e patrimônio

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro promove, nos dias 17 e 18 de agosto, o seminário Fotografia e patrimônio: desafios e práticas culturais na atualidade. O objetivo é celebrar o dia nacional do patrimônio histórico (17/8) e o dia mundial da fotografia (19/8). O evento ocorrerá no Galpão das Artes, localizado no corredor cultural, e reunirá especialistas de fotografia, conservação, cinema e história da ciência. “Conservação e curadoria de acervo fotográfico científico”, “Fotografia, florestas e imprensa”, entre outros, são alguns dos temas das rodas de conversa.

Confira a programação do seminário.

Data: quinta-feira (17/8)

– 9h30 – Abertura

– 10h às 12h30 – roda de conversa

Mediador: Raul Ribeiro (Acervo e Memória/JBRJ)

  • Aline Lacerda – Possibilidades e limites do trabalho com acervos fotográficos (COC/Fiocruz)
  • Marcia Mello – Conservação e curadoria de acervo fotográfico científico
  • Claudia Barros – Fotografia, patrimônio e imagens de laboratório (Diretoria de Pesquisa/JBRJ)

– 14h às 17h – roda de conversa

Mediador: Rafael Zamorano (SBM/IPHAN)

  • Adriana Cursino – Arquivo nas práticas experimentais do cinema (Universidad Carlos III de Madrid).
  • Cícero de Almeida – A dimensão patrimonial da fotografia no cartão-postal (UNIRIO).
  • José Quental – Acervos iconográficos nas coleções da Cinemateca do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (Cinemateca do MAM)

Data: sexta-feira (18/8)

– 9h30 às 12h30 – roda de conversa

Mediador: Raul Ribeiro (Acervo e Memória/JBRJ)

  • Sandra Baruki – Negativos de vidro: o projeto de conservação realizado pelo CCPF/Funarte, 20 anos depois (PPGPAT/COC/Fiocruz)
  • Rafael Zamorano – Fotografia e paisagem (SBM/IPHAN)

14h às 17h – roda de conversa

Mediador: Pablo José Francisco Pena Rodrigues (Diretoria de Pesquisa/JBRJ)

  • Heloisa Meireles Gesteira – Fotografia, memória e ciências (COCIT/MAST)
  • Rômulo de Andrade – Fotografia, florestas e imprensa (COC/Fiocruz)

Adriana Cursino Professora associada da Universidad Carlos III de Madrid. É pesquisadora, roteirista e documentarista. Doutora em Comunicação e Cultura pela ECO/UFRJ e pela Universidad Carlos III de Madrid (cotutela). Autora do livro Poesia em forma de imagem. Arquivo nas práticas experimentais do cinema.

Cícero Antônio Fonseca de Almeida é museólogo, doutor em História, Política e Bens Culturais pelo CPDOC/FGV, e professor-adjunto do Departamento de Estudos e Processos Museológicos da UNIRIO. Atuou em projetos de pesquisa e ocupou cargos de gestão em diversas instituições federais de cultura e patrimônio, como a Fundação Nacional Pró-Memória, o IPHAN e o IBRAM. Foi Diretor-Executivo do Centro Cultural Justiça Federal.

Claudia Franca Barros é bióloga, doutora em Ciências e pesquisadora em anatomia vegetal com ênfase em anatomia da madeira de espécies da Mata Atlântica. Coordenadora científica do laboratório de botânica estrutural e curadora da xiloteca do JBRJ.

Heloisa Meireles Gesteira é historiadora, pós-doutorado no Museu de História da Ciência, Universidade de Oxford, MHS, Inglaterra. Doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2001). Atualmente é pesquisadora titular no Museu de Astronomia e Ciências Afins; professor do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro e professor adjunto da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Professora do Mestrado Profissional em Preservação de Acervos de Ciência e Tecnologia. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Colônia, atuando principalmente nos seguintes temas: Circulação de ideias e práticas científicas durante a época Moderna; Holandeses no Brasil; História Social da Ciência, História dos Instrumentos Científicos; Cultura Material, História e Ciência; Viagens, relatos e representações da natureza.

José Quental é historiador, preservador audiovisual e coordenador da Cinemateca do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

Marcia Mello é bacharel em Letras, pesquisadora, curadora e conservadora de fotografia.

Pablo José Francisco Pena Rodrigues é biólogo e desenvolve trabalhos de pesquisa em ecologia vegetal, restauração de ecossistemas e impactos humanos ligados ao antropoceno.

Rafael Zamorano é historiador e trabalha no Sítio Roberto Burle Marx (SRBM-Iphan). Foi responsável pelo Núcleo de Pesquisa do Museu Histórico Nacional (Nupes/MHN) de 2015 a 2021 e editor dos Anais do Museu Histórico Nacional de 2006 a 2021. Atua como professor permanente do Mestrado Profissional em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural das Ciências e da Saúde (COC/Fiocruz) e como professor do Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória/UNIRIO). Realiza pesquisas na área da história, museus e patrimônio, atuando principalmente nos seguintes temas: museus de história, patrimônio histórico, colecionismo e escrita da história em museus.

Rômulo de Andrade é historiador, pesquisador da COC/Fiocruz e professor do PPGHCS. Desenvolve pesquisa sobre a história dos projetos de desenvolvimento no pós Segunda Guerra e suas consequências para a saúde e o meio ambiente.

Sandra Baruki é conservadora-restauradora de fotografia, membro da equipe fundadora do Centro de Conservação e Preservação Fotográfica-CCPF da Funarte, que coordenou entre os anos de 2002-2020. Atualmente é professora colaboradora do PPGPAT/COC/Fiocruz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *