Inteligência artificial ‘ressuscita’ voz de cantor morto em 1996

Kim Kwang-seok era um cantor famoso na Coreia do Sul quando morreu, em 1996.

Mas recentemente ele foi ouvindo cantando uma música que jamais gravou em um programa de TV do país. Como isso foi possível?

A resposta está num software de inteligência artificial (IA) que foi treinado para aprender a voz de Kim.

Primeiro, o programa aprendeu 20 das músicas do artista, além de captar o jeito que ele falava. Depois, treinou a voz em mais de 700 músicas.

“Ficamos muito surpresos de ouvir que a IA canta melhor após aquecer a voz”, diz Kim Min-Ji, produtora do programa de TV.

Segundo os responsáveis pela tecnologia, a família do cantor foi informada, e reagiu bem à iniciativa.

Mas há quem não goste da ideia. Im Uk-jin, morador da capital Seul, se diz preocupado.

“Há um conjunto de habilidades e hábitos que só um ser humano pode ter. Se a IA puder imitar tudo isso, o mundo será dominado pela IA, e não por seres humanos”, analisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: