Hospital do Olho Julio Cândido de Brito realiza mais um mutirão de cirurgias de estrabismo

Desde sua fundação, o Hospital do Olho já realizou mais de 600 cirurgias de estrabismo, tendo as crianças como o maior público alcançado pelo procedimento corretivo ocular

O Hospital do Olho Julio Cândido de Brito é a primeira unidade municipal especializada em oftalmologia gratuita da Baixada Fluminense e beneficia moradores de todas as idades, vindos de várias regiões do Estado do Rio de Janeiro. Através dos mutirões de cirurgias, milhares de pessoas já passaram por procedimentos de catarata e glaucoma. Em mais de três anos de funcionamento, a unidade já realizou mais de 2,5 milhões de procedimentos, mais de 480 mil consultas, além de mais de 45 mil cirurgias de catarata.

Entre as cirurgias realizadas na unidade está a correção cirúrgica de estrabismo. Desde sua fundação, o Hospital do Olho já realizou mais de 600 procedimentos deste tipo, tendo as crianças como o maior público alcançado, além de centenas de adultos, vindos de todo o Estado.

No último domingo (25/04), foi realizado mais um mutirão de cirurgias para a correção de estrabismo. Desta vez, 16 pessoas passaram pelo procedimento cirúrgico, sendo seis crianças e 10 adultos. Nesta sexta-feira (30), os pacientes retornaram a unidade para avaliação médica e para conferir o resultado da tão aguardada cirurgia. A emoção e alegria estavam estampadas em cada rosto. A expectativa era muito grande, pois a cirurgia significa uma mudança de vida e novas oportunidades para a maioria dos pacientes.

Para Glauciene Bernardo Pimentel, moradora de Nova Iguaçu, e mãe do pequeno Charles Pimentel, 5 anos, esse momento era muito aguardado. ”Desde o nascimento do Charles fizemos várias consultas em clínicas particulares, mas a cirurgia era muito cara, fora das nossas condições. Deus abriu essa porta e estamos muito felizes. Não vejo a hora do Charles poder ir para escola e brincar com outras crianças, sem sofrer ‘bullying’ ou discriminação”, disse a mãe Glauciene.

Para o Dr. Daniel Puertas, diretor do Hospital do Olho Julio Cândido de Brito, esse tipo de cirurgia é sempre cercada de muita emoção, por se tratar de uma mudança na vida social e na autoestima do paciente. O médico destacou ainda o trabalho vitorioso da equipe de profissionais, comandados pelo Dr Renato Sztern, oftalmologista, especialista em Estrabismo e Oftalmopediatria, responsável pelas cirurgias corretivas de estrabismo na unidade.

“Há uma demanda reprimida em todo o estado para correção de estrabismo. O Hospital do Olho chega a realizar uma média de 20 a 25 cirurgias de estrabismo por mês. A maioria delas são em crianças e adolescentes. Esse público é o que merece mais atenção, principalmente as crianças. Por isso, temos uma equipe formada pelos melhores especialistas nesta área. Os resultados são sempre muito positivos, para o paciente e para toda a equipe médica”, destacou Dr Daniel Puertas.

É um erro acreditar que o estrabismo desaparece com o crescimento. Assim que o desvio ocular for notado nas crianças, elas devem ser encaminhadas para avaliação oftalmológica. O estrabismo pode ser tratado e corrigido em qualquer idade, mas os resultados são sempre melhores se o tratamento for seguido à risca e precocemente iniciado. A falta de tratamento adequado pode reverter na perda total da visão do olho desviado.

Entre os adultos que foram operados no último mutirão está Wenderson Siqueira, 22 anos. Depois de viver uma infância e juventude encarando as brincadeiras e preconceitos, hoje ele vive a alegria e a expectativa pelos resultados e benefícios que a cirurgia traz para sua vida. “Há muito tempo eu procurava um hospital para corrigir a minha visão, porque a gente enfrenta muitas coisas ruins por conta do estrabismo. Eu espero que, a partir de agora, eu possa viver minha vida sem ser discriminado. Quero viver normalmente e conquistar meus objetivos”, declarou Wenderson.

O Prefeito Washington Reis esteve no hospital no último domingo, acompanhando o mutirão e reafirmou a importância da unidade como referência em oftalmologia gratuita para todo o estado. “Há quase quatro anos nós implementamos a cirurgia de estrabismo aqui no Hospital do Olho e os resultados não poderiam ser melhores. Estamos melhorando a saúde e a qualidade de vida de crianças e adultos, que sofrem preconceitos e bullying por conta do estrabismo. Vamos continuar trabalhando para mudar a vida e trazer esperança para essa população”, destacou Washington Reis.

O Hospital do Olho Julio Cândido de Brito funciona de segunda a domingo, a partir das 7h, e está localizado na Praça do Laureano, nº1.135, bairro Dr. Laureano, em Duque de Caxias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: