Governador Cláudio Castro e presidente do Detran.RJ inauguram posto exclusivo do departamento de trânsito para pessoas com deficiência

O governador Cláudio Castro e o presidente do Detran.RJ, Adolfo Konder, inauguraram, nesta sexta-feira (14/05), o primeiro posto do Brasil exclusivamente voltado para o atendimento a pessoas com deficiência. O espaço, localizado na Avenida Francisco Bicalho, no Centro do Rio, passou por uma reforma e foi todo adaptado para receber este público. Na unidade, que se chama Posto de Atendimento Detran Acessível – PCD, já são oferecidos os serviços de veículos, habilitação e identificação civil.

– A grande dor da pessoa com deficiência é não ter o direito de ir e vir. Precisamos aplicar na prática a política pública e, por isso, a gestão do Detran.RJ deixará um legado para o estado. Um legado de respeito e que demonstra isso para cada pessoa. É este respeito que estamos resgatando no Rio de Janeiro: à polícia, ao servidor e à população. E, hoje, respeito à pessoa com deficiência – afirmou o governador, que completou:

– Temos que trabalhar para que a pessoa com deficiência atue em todas as áreas, não apenas em áreas específicas. Não há diferença entre a nossa população – disse Castro.

Na unidade, também serão realizadas as aulas práticas de direção para o público PCD do programa Cidadania sobre Rodas, da Escola Pública de Trânsito (EPT), do Detran.RJ. Um carro adaptado para pessoas com deficiência ficará no posto para uso do programa, que desde sua criação já formou mais de 2 mil motoristas. Foram destinadas duas vagas exclusivas para as aulas de baliza. A Coordenadoria de Educação para o Trânsito do Detran terá sala especial para atender o público PCD interessado na primeira habilitação.

– Este é o único posto de Detran no Brasil exclusivo para atendimento de pessoas com deficiência. Estamos deixando um marco na história dos Detrans. Fizemos este posto com orientação e, para isso, ouvimos pessoas com deficiência, que foram à unidade com a equipe de engenharia do órgão. Então, esta é uma entrega de muita importância, que nos levará a prestar um melhor atendimento a esta parcela da população. Foram reformas cuidadosas para que o atendimento da pessoa com deficiência seja possível e digno, com espaço suficiente para atender suas demandas específicas – frisou o presidente do Detran, Adolfo Konder.

Brenda Bauer, aluna de uma autoescola, elogiou a infraestrutura da nova unidade.

– O posto está incrível e com bastante acessibilidade. O principal destaque é que aqui tem o carro adaptado para realizar as aulas. Isso é muito difícil de achar e não tem em quase nenhum lugar. Acho que o Rio de Janeiro será um grande incentivador para que outros Detrans sigam este exemplo em todo o país – disse a jovem, de 19 anos, que é cadeirante.

Um mural na parede do posto PCD será grafitado pelo projeto Rua Walls com tema sobre o Maio Amarelo, mês em que são feitas campanhas de conscientização para a segurança no trânsito.

– Nosso projeto trabalha com temas relacionados à inclusão. Tanto que 90% dos nossos colaboradores são moradores das comunidades do Pinto e da Providência. Faremos grafites que vão mostrar a inclusão das pessoas com deficiência, principalmente no trânsito diário do Rio de Janeiro – revelou o coordenador do projeto, Caíque Torrezão.

Também estiveram presentes à cerimônia os secretários de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Bruno Dauaire; das Cidades, Uruan Cintra; e de Governo, André Lazaroni, entre outras autoridades.

Características do novo posto

O posto Detran Acessível terá ainda uma unidade especial de atendimento da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, que oferecerá diversos serviços para as pessoas com deficiência, como acompanhamento psicológico, atendimento jurídico, isenção de taxas para identificação civil e casamento, encaminhamento para órgãos do governo e cursos de capacitação para o trabalho.

Já os usuários com deficiência auditiva poderão contar com a presença permanente de um intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais), que ficará todos os dias no posto e será responsável por ajudar na comunicação entre os funcionários e os usuários, garantindo o acesso às informações e aos serviços.

Em pontos estratégicos da unidade foram instalados pisos táteis para facilitar a locomoção dos usuários, além de rampas nos locais por onde vão passar os cadeirantes. Todas as vagas de estacionamento receberam sinalização especial de exclusividade para pessoas com deficiência, e há um ponto de desembarque planejado para facilitar a chegada de carros ao posto. Desse local, o usuário poderá seguir pelo piso tátil até a sala onde haverá três postos de atendimento para cada serviço. Se for fazer vistoria de veículos, haverá duas linhas exclusivas posicionadas para facilitar o acesso.

A cabine onde os usuários serão atendidos foi adaptada para permitir que eles entrem em cadeiras de rodas e se instalem sem problemas. O acesso dos usuários à unidade será pela Rua Idalina Senra, na lateral do posto.

O atendimento exclusivo no posto Detran Acessível – PCD está sendo agendado pelo site do Detran (detran.rj.gov.br) ou pelo teleatendimento, nos números (21) 3460-4040, 3460-4041 e 3460-4042, das 6h às 21h.

Uma van disponível para os usuários com deficiência fará o circuito de hora em hora, seguindo da Radial Oeste, próximo às estações de Metrô e de trem de São Cristóvão, até o posto. O primeiro transporte será às 7h30 e o último retornará do posto para a parada na Radial Oeste às 16h30. Haverá intervalo no atendimento das 11h30 até às 12h30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: