fbpx

Frota sugere CPI para investigar facada em Bolsonaro

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) protocolou nesta segunda-feira, 13, o pedido de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o atentado contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Então candidato, Bolsonaro foi atingido por uma facada durante a campanha eleitoral de 2018, em Juiz de Fora, Minas Gerais.

De acordo com as informações do portal Poder360, Frota argumentou que “foi na facada que ele (Bolsonaro) ganhou as eleições”, já que tinha 8 segundos de propaganda eleitoral e, com as notícias sobre o atentado, “passou a ter 24 horas”.O deputado ainda disse que foi motivado a pedir a abertura da CPI depois de assistir o documentário “Bolsonaro e Adélio – Uma Facada no Coração do Brasil”, do jornalista Joaquim de Carvalho. “Hoje eu tenho noção do quanto muitas coisas não estão explicadas”, afirmou.

“Tudo leva a crer que o Bolsonaro tinha um problema sério no intestino e ele aproveitou dessa situação, criou esse fato e com isso ele venceu as eleições”, concluiu.


O deputado ressaltou que deseja que a deputada Erika Cokay (PT-DF) seja a relatora e que o deputado Junior Bozzella (PSL-SP) seja o presidente da CPI da Facada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: