Festas e aglomerações varam a madrugada e se estendem até a manhã desta terça-feira no Rio

Desde o início do ano, esses espaços estão interditados pela Prefeitura do Rio, e casas noturnas só podem funcionar com clientes sentados.

O Globocop fez imagens de três andares praticamente sem espaço livre, tamanha a lotação da boate.

A TV Globo apurou que a casa já tinha sido notificada pela prefeitura por desrespeitar as normas na pandemia de coronavírus.

O fim de semana no Vidigal também teve aglomeração. Vários bares estavam cheios, e na madrugada de domingo teve show com casa lotada.

Festa no Vidigal na manhã desta terça (16) — Foto: Reprodução/TV Globo

Festa no Vidigal na manhã desta terça (16) — Foto: Reprodução/TV Globo

O Bom Dia Rio também percorreu, desde a noite de segunda-feira (15), pontos onde, ao longo do feriado, cariocas se reuniram sem respeitar o distanciamento social.

Mais uma vez, points boêmios como as ruas Olegário Maciel, na Barra, e Dias Ferreira, no Leblon, estavam lotados.

A Olegário Maciel chegou a engarrafar por volta da 1h — e muita gente bebia no meio da rua.

Aglomeração na noite de segunda-feira (15) na Rua Olegário Maciel, na Barra — Foto: Reprodução/TV Globo

Aglomeração na noite de segunda-feira (15) na Rua Olegário Maciel, na Barra — Foto: Reprodução/TV Globohttps

Perto da Dias Ferreira, na Praia do Leblon, no meio da areia, um grupo festejava por volta das 6h.

Segundo a secretaria de Ordem Pública (Seop), o Leblon é um dos bairros com o maior número de autuações por aglomeração nesse fim de semana.

Grupo sem máscara festejava na Praia do Leblon no início da manhã desta terça-feira (16) — Foto: Reprodução/TV Globo

Grupo sem máscara festejava na Praia do Leblon no início da manhã desta terça-feira (16) — Foto: Reprodução/TV Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: