Feiras livres são opção para complementar a renda em Cabo Frio

As feiras livres de Cabo Frio se tornaram uma alternativa de complemento de renda de centenas de trabalhadores da cidade. De acordo com a Secretaria de Agricultura, 470 feirantes, dos mais variados segmentos atuam nas cinco feiras da cidade.

O setor de hortifrutigranjeiros é o mais tradicional. Porém, nas cinco feiras que são realizadas semanalmente em Cabo Frio, é possível encontrar uma série de produtos: calçados, vestuário, artesanato, eletrônicos e muito mais.

Além dos trabalhadores que estão expondo atualmente, as feiras contam também com uma fila de espera, que possui 138 nomes cadastrados aguardando uma vaga para se incluir no mercado de trabalho.

Para realizar o cadastro e entrar na fila de espera, o interessado deve procurar a sede da Secretaria de Agricultura, que fica na Fazenda Campos Novos, Rodovia Amaral Peixoto s/n, Tamoios, próximo ao trevo de São Jacinto, e levar identidade, CPF e comprovante de residência.

E percebendo que as feiras representam uma parcela significativa da economia da cidade, a Prefeitura criou uma nova feira, no Residencial Monte Carlo (Minha Casa Minha Vida), no bairro Jardim Esperança. A primeira edição aconteceu no dia 9 de agosto e teve grande participação da comunidade, sendo realizada sempre aos domingos.

Semanalmente, a agenda de feiras livres da cidade é a seguinte:

  • Jardim Esperança (CIEP 458 Hermes Barcelos, sexta, 7h): 10 feirantes atuando
  • Feira Eraldo Ribeiro (Unamar, Tamoios, sábado, 7h): 156 feirantes atuando, 43 na fila de espera:
  • Residencial Monte Carlo (Minha Casa Minha Vida, domingo, 7h): 79 feirantes atuando, 15 na fila de espera
  • Santa Margarida (Unamar, Tamoios, domingo, 7h): 65 feirantes atuando
  • Mercado Municipal Sebastião Lan (Jardim Caiçara, domingo 7h): 160 feirantes atuando, 80 na fila de espera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito