Empresas querem se instalar na Posse, em Petrópolis

Nos últimos dias o Distrito Industrial da Posse vem ganhando espaço nos noticiários por conta do interesse de grandes empresas em se instalarem no local. Somente nesta última semana, três protocolos de intenção de instalação foram assinados: um foi da Organosolo,  especializada na produção de adubo orgânico com sede no Rio de Janeiro, mas que deseja expandir e abrir uma filial em Petrópolis. Outra é a Apolo Higiene e Beleza S/A, que mantém sede na cidade mineira de Cataguases, mas que também está muito inclinada promover a instalação de uma filial no espaço do 5º distrito. O terceiro empreendimento que demonstrou interesse é a fábrica de Massas Grossoni (L.T.N Indústria e Comércio de Gêneros Alimentícios Eireli).

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares, a concretização desses negócios deve ser em breve, o que trará injeção para a economia do município e geração de empregos.

– Esse é um momento ímpar de concretização de nossa vontade de trazer o fluxo econômico e social para os distritos, abrindo perspectivas de desenvolvimento econômico para a população. Queremos que essa área seja tomada por empresas que irão gerar centenas de empregos de qualidade para os petropolitanos. Tenho certeza que vamos, muito em breve, estar comemorando a instalação de empreendimentos de renome neste local – afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares.

A ativação do Distrito Industrial da Posse faz parte do Plano de Recuperação Econômica Pós-Pandemia, apresentado pelo secretário também na última semana. Na oportunidade, Soares mostrou que novas empresas têm mostrado interesse em se estabelecer no município, segundo ele, principalmente por conta dos atrativos: cidade mais segura do Estado, por estar listada como uma das melhores cidades para se fazer negócios, segundo o Ranking Urban Systems e por ser um dos destinos turísticos mais bem avaliados do mundo, de acordo com Travellers’ Choice.

A chegada de uma grande rede atacadista de supermercado que abriu mais de 260 vagas de emprego nesse mês também foi citada pelo secretário que informou também que há, ainda em andamento dentro deste plano, as ações de liberação de obras e aceleração de processos administrativos, que visam desburocratizar e dar celeridade aos negócios. Em ações de médio e longo prazo estão previstos o estímulo à área tecnológica, turismo de negócios, turismo rural e cervejeiro.

– O turismo de negócios, por exemplo, é promissor. Um levantamento prévio nos mostra que temos pelo menos 23 locais com capacidade de atender eventos com até 300 pessoas. Temos outras frentes que envolvem estudo da indústria têxtil, polos de moda e projetos especiais, além do cadastro de imóveis industriais já realizado e que cataloga todos os que estão disponíveis na cidade, o que facilita a vida daqueles que querem se instalar em Petrópolis – explicou Marcelo Soares.

Sobre o Distrito Industrial

A área de 400 mil metros quadrados, com frente de um quilometro e 100 metros às margens das estradas Silveira da Motta e União e Indústria no 5º distrito, está recebendo serviços de terraplanagem e construção de infraestrutura. O município deve batizar o local com o nome de Prefeito Paulo Rattes, um dos maiores entusiastas da concretização do espaço industrial e por toda sua ligação e história com o distrito.

            O terreno foi desapropriado pelo município em 1999 e sua utilização ainda não prosperou. Para a criação do espaço de especial interesse foi necessária à aprovação da Comissão Permanente de Análise de Projetos Especiais e Avaliação da Lei de Uso, Parcelamento e Ocupação do Solo (Coperlupos) para garantir uma ocupação ordenada, respeitando as áreas rurais e ambientais da Posse. Após esse processo, o projeto de criação do espaço foi aprovado pela a Câmara Municipal, com a redução da alíquota de 19% para 2% de ICMS, já proposta na lei estadual.

             – Estamos em contato direto com diversos empreendimentos interessados nas condições muito vantajosas que podemos oferecer no Distrito Industrial da Posse. A cada dia tenho mais a convicção que, muito em breve, vamos concretizar a instalação dessas empresas neste espaço incentivado. Petrópolis vai ganhar muito com essa ação – atesta Marcelo Soares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito