Doria diz que China liberou mais 5,6 mil litros de insumos para a CoronaVac

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse hoje que a China acabou de confirmar a liberação de um novo lote de insumos para a CoronaVac, a vacina contra a covid-19 produzida pelo Instituto Butantan. Doria anunciou a chegada prevista para 10 de fevereiro de mais 5,6 mil litros de matéria-prima, suficientes para a produção de 8,7 milhões de doses.

O lote se soma ao que tem previsão de chegada para esta quarta-feira (3) à noite no Aeroporto de Viracopos, em Campinas. Segundo o governo paulista, são 5,4 mil litros de IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) da biofarmacêutica Sinovac Life Sciences que já estão no aeroporto de Pequim, esperando os últimos trâmites para embarque.

A estimativa do Instituto Butantan é que o insumo renda cerca de 8,6 milhões de doses do imunizante contra a covid-19. Porém, o número exato só será conhecido após o processo de produção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: