Dia das Mães deve movimentar aproximadamente R$ 1 bilhão no comércio

Ao que tudo indica, a pandemia provocada pelo coronavírus (COVID-19) vai afetar a segunda data mais importante do comércio depois do Natal, o Dia das Mães. Levantamento do Instituto Fecomércio RJ (IFec) mostra que haverá reduções tanto no gasto médio com presentes – R$ 155,9 (2019) para R$ 143,6 (2020) -; como no número de consumidores fluminenses que devem presentear na data – 10,2 milhões (2019) e 7,1 milhões (2020), respectivamente. Mesmo assim, o estudo aponta que o volume de compras no comércio deve movimentar R$ 1 bilhão na economia do estado do Rio de Janeiro.

Entre as lembranças preferidas estão perfumes e cosméticos (29%), roupas (27,2%), calçados, bolsas e acessórios (24,4%), flores (17,5%), joias e bijuterias (13,4%), smartphones (5,5%), televisão (3,7%), livros e ebooks (3,7%) e computadores (1,4%).  O estudo do IFec também aponta que 25,8% das pessoas vão comprar mais de um presente.Pesquisa também mostra que gasto médio com os presentes terá redução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: