Dia da Consciência Negra é comemorado no Rio com homenagem a Zumbi

Ativistas, grupos culturais e religiosos comemoram hoje (20) o Dia da Consciência Negra com várias atividades em frente à estátua de Zumbi dos Palmares, no centro do Rio de Janeiro.

Ativistas, grupos culturais e religiosos comemoram hoje (20) o Dia da Consciência Negra com várias atividades em frente à estátua de Zumbi dos Palmares, no centro do Rio de Janeiro.

Dia da Consciência Negra é comemorado com apresentações pelo Rio

Mesmo com chuva, cariocas se reuniram em frente ao Monumento do Zumbi dos Palmares para celebrar a data

Fernando Frazão/Agência Brasil 

Monumento Zumbi dos Palmares, Avenida Presidente Vargas, Centro Daniel Castelo Branco

Rio – A homenagem ao Dia da Consciência Negra começou cedo nesta terça-feira. Mesmo com a chuva, os cariocas se reuniram em frente ao Monumento do Zumbi dos Palmares, na Avenida Presidente Vargas, no Centro do Rio, para celebrar a data. Por volta das 5h, a homenagem teve início com uma roda de capoeira e uma queima de fogos, além da lavagem do busto de Zumbi pelas baianas.

Um grupo de afoxé e o Bloco Barra Vento fizeram apresentação para homenagear um dos líderes na resistência contra a escravidão no país. O evento foi realizado pelo Conselho Estadual dos Direitos do Negro (Cedine).

Um dos momentos mais aguardados foi o cortejo em homenagem à Tia Ciata, que já acontece há quatro anos e traz dançarinos e demais artistas se performando.

Dançarinos e artistas se performando em homenagem à Tia Ciata 

Mestre Cotoquinho, um dos organizadores do evento “Terreirão – Consciência e Resistência”, disse que a festa é para todo o carioca. “A celebração começou cedo aqui na estátua de Zumbi e vai se estender com shows mais tarde. É um evento para todos. Mesmo com a chuva, as pessoas estão aqui e espero que venham para os shows para lembrar essa data tão importante”.

Por volta das 11h, o cortejo da tia Ciata fez apresentações em frente ao monumento de Zumbi.

A aposentada Dulcineia Rodrigues, 84 anos, foi ate a estátua hoje para celebrar a data. “Venho todos os anos, pois esse dia é para lembrar da minha cor, minha religião. E e esse evento aqui representa isso, é para nós”, disse a aposentada emocionada durante o cortejo.

Monumento Zumbi dos Palmares, Avenida Presidente Vargas, Centro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: