Deputado estadual do Rio diz que bandidos atiraram em direção ao carro dele na Rodovia Presidente Dutra

Parlamentar contou que estava voltado de Belford Roxo

O deputado estadual Alexandre Knoploch, do PSL, disse que bandidos atiraram em direção ao carro dele na manhã desta segunda-feira, quando o veículo circulava pela Rodovia Presidente Dutra. Segundo o relato do parlamentar, que ainda não tinha registrado a ocorrência, seguranças que o acompanhavam revidaram cessando a ação dos marginais, sem maiores consequências.

Knoplock contou que, como estava lendo mensagens num aplicativo do celular, pediu ao motorista para reduzir a velocidade do automóvel. Ao passar na altura da comunidade conhecida como Inferninho ocorreu o ataque. Ele acredita que os bandidos podem ter estranhado porque o carro estava em baixa velocidade.

—A gente estava passando pela Dutra. como estava mexendo no celular pedi ao motorista para ir devagar e aí o pessoal de uma comunidade chamada Inferninho atirou para cima do carro, mas prontamente a gente conseguiu parar, revidar e cessar a ação deles. Acho que viram o carro andando devagar pensaram que podia ser alguma operação ou, sei lá, outra coisa e atiraram — afirmou o parlamentar.

O deputado estava indo para Belford Roxo, na Baixada Fluminense, mas como começou a chover ele desistiu e resolveu voltar. Alexandre Knoploch é empresário e político. Ele foi eleito com 103.639 votos, tendo sido o deputado estadual mais votado do Rio de Janeiro.

Em julho do ano passado se envolveu em um episódio, em que era acusado de ter atirado contra um homem após uma confusão na Asa Sul, em Brasília. A vítima era um homem de 39 anos, que foi encaminhado ao Hospital de Base do Distrito Federal.

Na ocasião, assessoria de imprensa do parlamentar informou que ele tinha sido alvo de “uma agressão covarde”. De acordo com a nota, o deputado foi agredido com socos e derrubado no chão pelo homem e que atirou para se defender.

Um ano antes, policiais que faziam a escolta do parlamentar prenderam um homem suspeito de praticar assaltona Tijuca. Na ocasião, o parlamentar contou que estava chegando em casa, acompanhado de sua equipe, quando perceberam que uma academia próxima à sua residencia estava sendo assaltada.

Os agentes que faziam a escolta de Knoploch foram para o local e prenderam um jovem suspeito de ter praticado a ação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: