Com seis remanescentes de 25 contratações, Botafogo encara mercado de 2020 como lição

Quem via o time-base do Botafogo de 2020 e o compara com o de 2021 consegue perceber que a reformulação foi grande. A queda para a Série B acentuou a necessidade de mudanças no clube, tanto que quase quatro meses após o rebaixamento, apenas seis jogadores contratados na temporada passada continuam no elenco.

Dos remanescentes, só dois são relacionados com frequência por Marcelo Chamusca: Warley e Guilherme Santos. Além deles, Cesinha, Lecaros, Barrandeguy e Davi Araújo também estão no grupo, mas os três últimos não estão nos planos e devem sair para o segundo semestre. Já o jovem meia perdeu espaço até no banco de reservas.

Nesta semana, o clube deu adeus a três reforços contratados em 2020: o lateral-direito Gustavo Cascardo e o volante Luiz Otavio encerraram seus vínculos na última segunda-feira, enquanto o lateral-direito Kevin fechou com a Ponte Preta.

Reforços do Botafogo em 2020

  • Laterais-direitos: Barrandeguy, Gustavo Cascardo e Kevin ;
  • Laterais-esquerdos: Danilo Barcelos, Guilherme Santos e Victor Luis;
  • Zagueiros: Rafael Forster e Ruan Renato;
  • Volantes: José Welison, Luiz Otávio, Rentería e Thiaguinho;
  • Meias: Bruno Nazário, Cesinha, Éber Bessa, Gabriel Cortez e Honda;
  • Atacantes: Angulo, Davi Araújo, Kalou, Kelvin, Lecaros, Matheus Babi, Pedro Raul e Warley;
Warley foi titular na reta final do Carioca e também na estreia na Série B — Foto: André Durão/ge

Dessa lista, alguns atletas saíram por fim de empréstimo ou propostas melhores, como Matheus Babi, Pedro Raul, Victor Luis e Zé Welison. Mas, a maior parte foi liberada sem deixar saudades. O aproveitamento ruim no mercado se tornou lição que a nova diretoria tenta aprender em 2021.

Para isso, a última novidade anunciada pelo clube foi a parceria com uma empresa para estudar jogadores e adversários. Essa consultoria externa dá suporte ao setor de análise de desempenho. A contribuição que os torcedores esperam com mais ansiedade é a leitura do mercado.

Neste ano, o clube já anunciou 15 jogadores. Outros três estão em negociações avançadas: o volante Barreto, e os atacantes Diego Gonçalves e Rafael Moura. Na temporada passada, a aposta foi em atletas jovens e baratos. Desta vez, a premissa de não gastar demais com os jogadores continua, mas o Botafogo procura opções com mais experiência. Muitos jogadores foram contratados, também, por terem no currículo acessos à Série A em anos passados.

Pedro Castro virou titular absoluto — Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Depois de um primeiro semestre de tropeços, o torcedor alvinegro quer ver mais das caras novas que terão a missão de reerguer o clube à elite do futebol brasileiro. Dos 14 reforços que já entraram em campo, apenas Douglas Borges e Pedro Castro parecem unanimidades.

Contratações do Botafogo para 2021

  • Goleiro: Douglas Borges;
  • Zagueiros: Gilvan e Joel Carli;
  • Laterais: Daniel Borges, Jonathan e Rafael Carioca;
  • Meias: Matheus Frizzo, Pedro Castro, Ricardinho, Luís Oyama, Felipe Ferreira e Marco Antonio;
  • Atacantes: Chay, Marcinho e Ronald.

O próximo compromisso do Botafogo será contra o Coritiba, às 21h do sábado, no Estádio Nilton Santos, pela segunda rodada da Série B.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: