China doa 100 mil doses de vacina anticovid à Guiné Equatorial

A China doou 100 mil doses da vacina contra a covid-19 do laboratório Sinopharm à Guiné Equatorial, anunciou este pequeno país da África Central que está lançando sua campanha de vacinação.

O carregamento das doses chegou na quarta-feira ao aeroporto de Malabo, onde foi recebido pelo vice-presidente Teodoro Nguema Obiang Mengue, apelidado de Teodorín, um dos filhos do presidente Teodoro Obiang Nguema, informou a presidência.

A Guiné Equatorial, um país produtor de petróleo de 1,3 milhão de habitantes, declarou toque de recolher na terça-feira e reforçou suas medidas restritivas para enfrentar o ressurgimento da pandemia.

A campanha de vacinação abrange 50.000 pessoas prioritárias em sua primeira fase, que inclui profissionais da saúde, pessoas com comorbidades e funcionários que trabalham nas fronteiras do país, segundo o comunicado presidencial.

No entanto, a televisão estatal Tvge anunciou que Teodorín Obiang, presidente do Comitê Nacional de Combate à Covid-19, será o primeiro a ser vacinado nesta quinta-feira.

Desde o início da pandemia, a Guiné Equatorial anunciou oficialmente 5.614 casos de contaminação e 87 mortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: