14 de julho de 2024

TV Prefeito

Portal de notícias dos municípios com videos e entrevistas. Cobertura diária das cidades das regiões: Metropolitana, Serrana, Lagos, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro Sul do estado do Rio de Janeiro. O melhor da notícia está aqui.

Chefe do cartel de Sinaloa se declara culpado por tráfico de cocaína nos EUA

Jaime Antonio Mandujano Eudave, do cartel mexicano de Sinaloa, se declarou culpado de tráfico de cocaína, informou o Departamento de Justiça dos Estados Unidos nesta quinta-feira (9).

Segundo documentos judiciais, entre 1998 e 2012, Mandujano Eudave, 61 anos, esteve envolvido no transporte de cocaína para o cartel de Sinaloa.

Em nota, o Departamento de Justiça americano afirma que o réu coordenou o transporte da droga por barco da Colômbia até Culiacán, Los Cabos e outros lugares do México.

O traficante, que os Estados Unidos descrevem como o “líder” de uma organização internacional de tráfico de drogas, comunicou as coordenadas aos membros da tripulação do navio para marcar um encontro no Oceano Pacífico.

Lá, a embarcação carregada com cocaína da Colômbia encontrou outro navio controlado pelo cartel de Sinaloa e descarregou a mercadoria.

Esses barcos carregavam “vários quilos de cocaína” e, assim que a droga chegava ao México, outros membros do cartel a levavam para os Estados Unidos para vendê-la.

As autoridades americanas o acusam de saber que a cocaína “seria transportada para os Estados Unidos para posterior distribuição”.

As autoridades espanholas o detiveram em 2014 a pedido dos Estados Unidos e o extraditaram no ano seguinte.

Mandujano Eudave se declarou culpado de envolvimento na distribuição de cinco quilos ou mais de cocaína, sabendo que seria importada para os Estados Unidos.

Ele pode ser condenado à prisão perpétua e conhecerá a sentença em 15 de junho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *