Bolsonaro vai ao Planalto pela quinta vez desde a eleição

O presidente Jair Bolsonaro foi ao Palácio do Planalto nesta terça-feira pela quinta vez desde o segundo turno das eleições presidenciais. Após ser derrotado por Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Bolsonaro tem passado a maior parte do tempo no Palácio da Alvorada.

A agenda oficial de Bolsonaro registra apenas a previsão de uma reunião com o subchefe de Assuntos Jurídicos (SAJ) da Presidência, Renato de Lima França, às 15h30. Na manhã desta terça, contudo, ele recebeu no Planalto o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira.

No sábado, o presidente deixou Brasília pela primeira vez após o pleito e participou de uma cerimônia na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende, na região Sul do Rio. Bolsonaro, no entanto, não discursou no evento, como costumava fazer.

Na semana imediatamente após o segundo turno, o chefe do Executivo esteve no Planalto duas vezes: uma no dia seguinte à eleição e outra no dia 3 de novembro, para um breve encontro com o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB).

A partir daí, Bolsonaro ficou quase três semanas recluso no Alvorada. O período de isolamento foi interrompido na semana passada, quando o presidente esteve duas vezes no Planalto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.