Biden pede por defesa da democracia e oposição a regimes autoritários, em discurso a países europeus

O presidente dos Estados UnidosJoe Biden, pediu pela defesa da democracia e oposição aos regimes autoritários, nesta sexta-feira (19), em sua estreia mundial na Conferência de Segurança de Munique – transmitida de forma virtual por conta da pandemia de Covid-19.

“A democracia não acontece por acidente”, disse Biden no encontro com líderes europeus. “Temos que defendê-la, fortalecê-la e renová-la.”

O presidente americano disse também que é preciso provar que o modelo democrático é atual e “não uma relíquia histórica”. Ele disse ainda que ela é a melhor forma de cumprir com a promessa de um futuro.

“Se trabalharmos juntos com nossos aliados democráticos, com força e confiança, sei que vamos enfrentar todos os desafios e ultrapassar todas as barreiras”, disse Biden aos líderes europeus.

Durante a fala, ele disse ainda que os EUA estão preparados para voltar a conversar com o Irã sobre o cumprimento do acordo de 2015, que tem o objetivo de impedir o desenvolvimento de armas nucleares no país do Oriente Médio – abandonado pelo governo de Donald Trump.

Biden fez, também nesta sexta, sua estreia na cúpula do G7.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: