Bastidores do caso Gugu são amistosos; ‘Com tanta reviravolta , daria uma série de streaming’, comentam advogados

As duas partes envolvidas no caso Gugu Liberato estavam na sala de audiência do juiz na quarta-feira (21) quando um oficial de Justiça entrou e informou os presentes sobre uma ação de reconhecimento de paternidade do apresentador. Todos foram surpreendidos.

O clima, segundo apurado pelo g1, foi de perplexidade tanto de um lado, que representa os interesses de Rose Mirian, mãe dos três filhos de Gugu, e das gêmeas Marina e Sofia, quanto do outro, que representa os que defendem o cumprimento do testamento, entre eles João Augusto, irmão das gêmeas.

“Primeiro os tais vídeos do Thiago [possível companheiro de Gugu, que afirmou possuir documentos e imagens que provam a relação dos dois]. Depois essa do STJ. Agora um possível filho que nasceu em Perdizes quando Gugu tinha 15 anos”, comentou um dos presentes, que prefere não se identificar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *