Bandeira do Flamengo em camisa gera nova crise no Vasco

Bandeira do Flamengo na camisa do Vasco gerou polêmica Foto: Antonio Scorza

A repercussão da presença de uma bandeira do Flamengo no uniforme do Vasco na partida desta quarta-feira, na vitória por 3 a 0 sobre Resende, pelo Campeonato Estadual, foi imediata. Torcedores rubro-negros manifestaram gratidão, vascaínos e opinião pública de uma forma geral nas redes sociais elogiaram a grandeza no gesto, mas houve também espaço para críticas. As mais pesadas, vindas justamente de dentro do clube. Grupos políticos se levantaram contra a decisão da diretoria e a questão pode chegar ao Conselho Deliberativo do clube.

Foi Roberto Monteiro, presidente do Conselho, quem fez as críticas mais pesadas no Twitter. Opositor de Alexandre Campello desde que seu grupo político deixou a gestão, ano passado, disse que o presidente, “na tentativa desesperada de atrair holofotes, conspurcou o que temos de mais sagrado: nossa camisa. Demagogia barata, que atenta contra as tradições vascaínas, fere o estatuto do clube e ajuda o grande responsável pela tragédia a assumir o papel de vítima”.

Procurado pela reportagem, disse que o Conselho Deliberativo deve se manifestar a respeito.

– Nesse assunto não tem grupo político e sim instituição e tradição. Nada contra as crianças. Solidariedade ao clube é solidariedade às crianças – afirmou Monteiro.

Membros da Sempre Vasco, encabeçada pelo Júlio Brant, também declararam desagrado. O grupo estuda publicar uma nota de repúdio à bandeira rubro-negra na camisa vascaína. Eurico Brandão, filho de Eurico Miranda e ex-vice-presidente de futebol do Vasco, integrante do Casaca, também reclamou no Twitter:

“Vasco com a bandeira do dente podre no uniforme? Tudo tem limite. Homenagens aos meninos e suas famílias sempre! Ao clube por quê? Idiotas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito
%d blogueiros gostam disto: