Arte consciente: Painéis de grafite se tornam marca registrada da cultura em Queimados

Um universo de cores que fascinam, educam, inspiram e homenageiam em igual medida. Essa é a realidade pintada pelo artista plástico e grafiteiro Luís Caio, funcionário responsável por embelezar a Estação Cidadania Planeta Futuro, localizada no bairro São Roque,em Queimados. Entre os enormes murais grafitados que chamam atenção de quem passa pelo local, figuram personalidades famosas como o ícone do cinema mudo, Charles Chaplin, menções a cidadãos queimadenses ilustres que já faleceram – como o ex-professor de futebol do espaço, Jonas Eufrosino, retratado como um índio gigante em razão de seu apelido – e jovens descolados usando máscaras de proteção facial em tempos de pandemia. 
 
“Só aqui na Estação Cidadania já tive o prazer de pintar cerca de 20 painéis, que depois de algum tempo são repintados para passar novas mensagens de acordo com o que se passa na sociedade. No momento de crise mundial que temos testemunhado, quis conscientizar a população a se importar mais com o próximo, ter um pouco mais de responsabilidade e utilizar máscaras até vencermos o coronavírus”,declarou Caio, que é conhecido na cidade por suas criações.
 
Entre galões de tinta e corantes, novas ideias tomam forma e embelezam o equipamento municipal, que abriga dezenas de cursos livres e profissionalizantes. Com muita imaginação e criatividade, o artista mistura tons e nuances até encontrar o que vê em sua imaginação.“Não sei que química é essa que faço (risos), mas sempre consigo reproduzir cores que vejo na minha cabeça com a mistura dos corantes. Assim, consigo criar cenários que provocam reflexão em quem observar as pinturas”, afirmou o artista.
 
Transformação na ponta dos pincéis
 
Para o Secretário Municipal de Cultura e Turismo, Patrick Lessa, as obras de arte se tornaram marca registrada do órgão e mudaram a ‘cara’do bairro. “O São Roque já foi conhecido como um local perigoso, mas graças ao processo de revitalização que ocorre no bairro – sobretudo com a instalação da Estação Cidadania Planeta Futuro – essa realidade ficou no passado. Destaco as pinturas e grafites do nosso artista nessa transformação, que já ganharam notoriedade nacional, sendo exibidas em várias convenções com gestores de todo o Brasil. As obras caíram no gosto popular e viraram plano de fundo para belas fotos, já que quem passa por lá, não consegue deixar de fazer pelo menos um ‘clique’”, elogiou o gestor.
 
Figura querida dos alunos do espaço – temporariamente sem aulas por conta das medidas de isolamento social impostas pela pandemia de Covid-19–, Luís Caio declara a importância da arte em sua vida e a motivação para continuar criando novas pinturas. “Através da arte, tento passar a mensagem de que a cultura deve andar de mãos dadas com a educação e tem grande papel na construção de uma sociedade melhor. Se você analisar, todas as minhas pinturas dizem algo que considero importante, como esta aqui (apontando a sua preferida), onde um rapaz está sendo resgatado de um mundo de fantasia em que só importam os bens materiais. Gosto dela porque faz pensar no que deve ser prioridade em nossas vidas”, concluiu Caio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito