Al-Qaeda diz que guerra contra EUA não acabou

Apesar do presidente dos EUA, Joe Biden, ter anunciado a retirada das tropas norte-americanas do Afeganistão até setembro deste ano, dois integrantes da Al-Qaeda disseram à rede CNN que a “guerra contra os Estados Unidos continuará em outras frentes, a menos que o grupo seja expulso de outros países islâmicos”.


“Graças aos afegãos que nos protegeram, muitas dessas frentes jihadistas operam com sucesso em diferentes partes do mundo islâmico há muito tempo”, disse o porta-voz do grupo.

A guerra contra o Afeganistão começou em 2011, após o ataque às Torres Gêmeas, no 11 de setembro. O combate foi parte da campanha inciada no governo do ex-presidente George W. Bush, para lutar contra o terrorismo.

Osama bin Laden

No próximo domingo (2), completam-se 10 anos da morte de Osama bin Laden, líder e fundador da Al-Qaeda e mentor diversos ataques, entre eles o do 11 de setembro, que matou quase 3.000 pessoas.Desde a morte de bin Laden, a organização terrorista perdeu a posição de principal potência jihadista do mundo devido à ascensão do grupo Estado Islâmico (EI). 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: