Vasco perde em São Januário, e Palmeiras segue na caça ao Flamengo

Luxemburgo lamenta a atuação ruim do Vasco

A não ser que não tivesse absolutamente nada melhor para fazer em casa, Tite, em algum momento, deve ter se arrependido de ir a São Januário assistir à partida entre Vasco e Palmeiras. Das sociais, viu duas equipes de futebol pobre, em um gramado ruim, com um arbitragem confusa. Os paulistas ainda venceram por 2 a 1 e seguiram na caça ao Flamengo. Já aos cariocas, não restou nada para se salvar.

Contra um Palmeiras reserva, de alguns talentos que transparecem decadência, o time da casa foi apenas esforçado, alguns momentos. A inspiração foi artigo em falta, seja no ataque, seja na defesa. Tanto que o apagão coletivo fez com que Lucas Lima aparecesse livre para abrir o placar, aos 11 minutos.

Vanderlei Luxemburgo mexeu na escalação e no esquema tático para enfrentar os vice-líderes do campeonato: barrou Lucas Ribamar e colocou Bruno César de falso 9. Mas para uma equipe com quantidade enorme de passes errados, quem operou mesmo pelo empate foi o acaso. Mayke que o diga, autor de gol contra tosco.

No segundo tempo, pouca coisa mudou. Desentrosado, o Palmeiras ainda assim levava perigo graças ao talento individual de alguns jogadores. Para o Vasco, nem isso foi possível. Depois que levou o segundo gol, marcado por Luiz Adriano, e Leandro Castan foi expulso, a derrota ficou irreversível.

Com 39 pontos, a sete rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, só resta ao Vasco esperar o ano acabar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: