Texas reduz número de centros de coleta do voto por correio

O governador do estado americano do Texas, o republicano Greg Abbott, anunciou que permitirá que apenas um ponto por condado entregue cédulas pelo correio em todo estado, o segundo maior do país.

A decisão do governador, um apoiador de Trump, restringe o acesso à prática comum de votar pelo correio — e que deve ser muito mais popular, devido à pandemia do coronavírus.

“Esses protocolos de segurança melhorados vão garantir uma maior transparência e ajudarão a deter as tentativas de votação ilegal”, alegou Abbott, em um comunicado divulgado na quinta-feira (1º).

O Texas tem alguns dos condados mais populosos do país. Em Harris, onde fica Houston, há 2,3 milhões de eleitores que terão apenas um ponto para entregar a cédula. Até então, contava-se com 12 pontos habilitados.

“Isso não é segurança, é repressão”, disse Lina Hidalgo, uma democrata de alto escalão desse condado, no Twitter.

“Os eleitores com cédula pelo correio não deveriam ter que dirigir 30 milhas (48 quilômetros) para entregar sua cédula, ou depender de um sistema de correio que enfrenta cortes”, completou.Imagem ilustrativa mostra um formulário para votação pelo correio do estado de Massachusetts, nos EUA — Foto: Brian Snyder/Reuters/Arquivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito