A pandemia trouxe sérios problemas em diversas áreas. Uma delas é a Educação. No ano letivo de 2020 as atividades sociais presenciais ficaram marcadas pela necessidade de adaptação devido ao surto de Covid-19, que gerou a implementação de medidas de distanciamento social. Em Belford Roxo, a Secretaria Municipal de Educação implantou o projeto de reforço escolar presencial e facultativo nas disciplinas de ciências, matemática, história, geografia e português para alunos matriculados no 9º anos de escolaridade e ciclo IV da Educação de Jovens e Adultos (EJA). As aulas presenciais serão nas escolas municipais Heliópolis, Rudá Iguatemi Villanova, São Bento, Jardim Gláucia e Ciep Simone de Beauvoir. O número máximo será de 20 alunos por horário em cada polo.