Maradona diz que Colômbia sofreu “roubo monumental” contra a Inglaterra

Maradona segue sem papas na língua. Em seu programa, “De la mano del Diez”, o maior ídolo do futebol argentino afirmou que a Colômbia foi vítima de um “roubo monumental” na eliminação para a Inglaterra pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

Segundo Maradona, o árbitro americano Mark Geiger “inventou” o pênalti sobre o inglês Harry Kane, quando a Inglaterra abriu o marcador do jogo no segundo tempo.

Gol da Inglaterra! Kane bate pênalti no meio do gol e abre o placar aos 11 do 2º tempo

– Um pênalti que não foi pênalti. Foi falta de Kane. Por que não pediram o Var? – indagou.

Don Diego fez duras críticas à Fifa por conta da atuação do juiz.

– Estou comovido porque quando falei com o (presidente da FIFA, Gianni) Infantino pela primeira vez, acreditei que tudo havia mudado na FIFA. Que os ladrões estariam indo embora. E hoje eu vi um roubo monumental no campo. Peço desculpas a todo o povo colombiano – disse.

De fato, o árbitro norte-americano tem uma carreira com diversas polêmicas. Em 2012, se esqueceu dos cartões no vestiário na partida entre Brasil e Colômbia, realizado em Nova Jersey. Neste jogo, Geiger também causou polêmica quando marcou um pênalti inexistente para o Brasil, o qual Neymar bateu por cima do travessão, fato inclusive lembrado por Maradona.

Neymar perde pênalti e Brasil e Colômbia empatam em 1 a 1 em amistoso internacional

O ex-camisa 10 da Argentina não economizou nas críticas a Mark Geiger.

– Esse árbitro sabe muito de beisebol, mas de futebol não entende nada – declarou, chamando o árbitro diretamente de “ladrão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito