Homem é preso após simular o próprio sequestro para ficar com amante na PB

Um homem de 28 anos foi preso na segunda-feira (13) por falsa notificação de crime após simular o próprio sequestro para sair com a amante. O caso foi registrado na cidade de Alagoa Grande, no Agreste paraibano. De acordo com a delegada do caso, Maria Solidade, o homem, que trabalha como motorista, pediu que um amigo ligasse para sua esposa, informasse sobre um sequestro e cobrasse o pagamento de R$ 5 mil como resgate.

Segundo Maria Solidade, o telefonema foi feito para esposa do motorista por volta do meio-dia da segunda. Cerca de duas horas depois ela procurou a delegacia para registrar o caso. “Iniciamos os trabalhos de investigação com todo aparato policial. Após ouvir um comerciante da cidade ficamos sabendo que ele havia ido fazer uma entrega de uma carga de bolos em uma cidade vizinha”, explicou.

Além do destino, o comerciante amigo do motorista informou que ele mantinha uma amante na cidade de Pirpirituba. A delegacia de Alagoa Grande fez novos contatos e suspeitou que o sequestro pudesse ser falso. No final da tarde, o então sequestrado retornou à cidade embriagado dirigindo o próprio veículo.

“Ao chegar na cidade fomos até ele e efetuamos a prisão por falsa notificação de crime. Ele foi encaminhado para delegacia, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado”, explicou a delegada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *