Fotógrafo ‘atropelado’ pela Croácia: “Toda a seleção caiu em cima de mim, mas eu não parei de tirar fotos”

A seleção da Croácia venceu a Inglaterra na prorrogação e classificou-se para o final da Copa do Mundo da Rússia 2018. O gol da vitória foi de Mario Mandzukic, no minuto 109 do jogo. Os jogadores croatas correram em direção à arquibancada para comemorar com os torcedores, mas tropeçaram na zona de fotógrafos. Ali encontrava-se Yuri Cortez, repórter gráfico da agência de notícias France Press (AFP), com a câmera bem firme na mão direita. Caído no gramado, ele conseguiu um ângulo privilegiado da celebração.

“Nunca tinha acontecido algo assim comigo. Já havia acontecido coisas mais leves, como trombar com jogadores que correm até a zona de escanteio, mas, desta vez, praticamente toda a seleção caiu em cima de mim e eu não parei de tirar fotos”. O celular de Cortez não parou de tocar com mensagens e telefonemas para entrevistas. “Saí praticamente fugindo do estádio, tinha muita gente atrás de mim. Meus chefes me perguntaram como estava e disseram que fui parte da notícia do dia”, conta.

Os usuários de redes sociais destacaram o profissionalismo do fotógrafo, que não retirou o dedo do disparador em nenhum momento. A equipe da Croácia jogará pela primeira vez uma final da Copa do Mundo e o fará contra a França em Moscou, no próximo domingo.

“Atropelado pelo êxtase croata, caído no chão, mas sempre com o dedo no gatilho. Uma imagem para mostrar nas escolas de fotografia”.

“Tem que continuar apertando o disparador da câmera sempre, não importa o que aconteça ao seu redor! Que ótimo o fotógrafo salvadorenho Yuri Cortez”.

Uma das fotografias de Mandzukic que Cortez fez enquanto estava caído na grama.
Fotógrafo ‘atropelado’ pela Croácia: “Toda a seleção caiu em cima de mim, mas eu não parei de tirar fotos”
Fotógrafo ‘atropelado’ pela Croácia: “Toda a seleção caiu em cima de mim, mas eu não parei de tirar fotos”
Mandzukic abraça seus colegas.
Mandzukic oferece a mão ao fotógrafo depois da comemoração.
Mandzukic oferece a mão ao fotógrafo depois da comemoração. YURI CORTEZ (AFP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *