Florence perde força e agora é ‘tempestade tropical’

Segundo a rede CNN, os Serviços de Emergência do condado de Carteret, na Carolina do Norte, registraram duas mortes pela passagem do Florence. Com isso, o balanço de mortos no país aumentaria para 7. Mas as novas mortes ainda não foram divulgadas oficialmente, o segundo a CNN deve ocorrer ainda nessa manhã.

A tempestade Florence está com ventos máximos de 80 km/h, segundo novo boletim do Centro Nacional de Furacões dos EUA. Ela se move para oeste-sudeste a 5 km/h e deve virar na direção oeste-nordeste nesse final de semana, antes de chegar na regão de Ohio Valley. A previsão é que ela se enfraqueça mais nos próximos dias.

O número de pessoas sem energia elétrica na Carolina do Norte já ultrapassa 790 mil, segundo os últimos dados divulgados pelo governo local. A estimativa é de que mais de 1 milhão de pessoas sejam afetadas pela passagem de Florence pelo estado.

O centro da tempestade tropical Florence já não está mais sobre a Carolina do Norte e neste momento passa pelo estado da Carolina do Sul, movendo-se lentamente, a cerca de apenas 5 km/h, segundo o Centro Nacional de Furacões. Os ventos estão com uma força de aproximadamente 110 km/h.

O Facebook ativou a checagem de segurança para que usuários que estão em áreas atingidas pela tempestade tropical Florence possam avisar a parentes e amigos que estão seguros.

“Vamos buscá-los. Pode ser que precisem subir ao segundo andar, ou para a cobertura, mas vamos chegar”, disseram pelas redes sociais as autoridades em New Bern, na Carolina do Norte, onde o rio Neuse subiu três metros. Ao menos 150 pessoas aguardam resgate.

“Em poucos segundos a água chegou à cintura, agora está na altura do ombro”, contou à rede de TV americana CNN Peggy Perry, refugiada com três membros de sua família na parte mais alta de casa.

Mais de 60 pessoas hospedadas em um hotel em Jacksonville, na Carolina do Norte, tiveram que ser resgatadas depois que uma parte do teto caiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *