Estado realiza operação contra atividade poluidora no sistema lagunar da Barra

 

Empresas e centros comerciais localizados no complexo lagunar da Barra da Tijuca foram alvo de fiscalização deflagrada, nesta quinta-feira (5/11), pela Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (Seas), por meio da Superintendência Integrada de Combate aos Crimes Ambientais, pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e com apoio do Comando de Polícia Ambiental (CPAm). O objetivo foi reprimir crimes ambientais na região e adjacências, principalmente em relação à poluição e lançamento irregular de efluentes sem o devido tratamento

A equipe marítima autuou uma empresa e notificou a apresentar o manifesto de resíduos de realização de limpeza de fossa séptica, através de empresa licenciada. Já a equipe terrestre multou e notificou um centro comercial, uma Unidade hospitalar e um condomínio residencial localizados na região por lançamentos de efluentes; obstrução de atividade de fiscalização; operação sem licença ambiental e tratamento inadequado de lixo infectante. Os responsáveis serão conduzidos para a 16ª Delegacia Policial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito