Escola de Queimados tem o melhor desempenho entre todas as unidades municipais da Baixada Fluminense

A Escola Municipal Ubirajara Ferreira, no bairro Inconfidência, em Queimados, foi a melhor unidade educacional municipal avaliada pelo Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) em toda a Baixada Fluminense. O índice, que avalia o desenvolvimento da educação básica brasileira, foi divulgado nesta terça-feira (15) e colocou a escola – que conta com cerca de 250 alunos – no topo do ranking da região. No geral, o município alcançou pela segunda vez consecutiva a melhor avaliação de sua história (4,85) e ficou entre os três melhores da Baixada Fluminense.

 

Outros destaques em relação ao desempenho da escola foram observados na avaliação dos anos iniciais, também em matemática (251,97) e Português (235,73). A E.M. Pastor Arsênio (Coimbra) foi a segunda melhor da região em língua portuguesa. Vale ressaltar ainda o desempenho das unidades Luiz de Camões (localizada em bairro homônimo) e Gilvanei Fonseca (São Jorge), que figuram entre as melhores do estado em índice de aprovação com nota máxima (1,0).

O Ideb é o principal indicador de qualidade da educação básica. O índice é calculado a partir dos dados sobre aprovação obtidos no Censo Escolar, e das médias de desempenho nas avaliações do Inep, o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), para as unidades da federação e para o país, e a Prova Brasil, para os municípios. A média final é dada através da soma das notas do 5° e 9° ano, divididas por dois. O Mec (Ministério da Educação) estabeleceu meta para cada rede e escola, a ser cumprida a cada ano até 2021.

 

O prefeito Carlos Vilela comentou o resultado do exame e destacou o trabalho em equipe da gestão educacional da cidade. “É um orgulho imenso ver Queimados figurando entre os primeiros mais uma vez nessa área que é nossa prioridade. Para melhorar nosso índice, intensificamos os simulados nas escolas e o corpo pedagógico da secretaria de Educação desenvolveu atividades para que as crianças estivessem preparadas para o exame. Com muito esforço de todos, dos docentes aos alunos, conseguimos consolidar uma melhora significativa. Ainda não chegamos onde queremos e nossas crianças merecem, mas a luta é diária para alcançarmos o melhor ensino possível.”, destacou o gestor. 

 

Para a secretária municipal de Educação, Dilcelina Vasconcelos, o trabalho desenvolvido pela Pasta teve como premissa focar em todas as etapas do processo ensino-aprendizagem. “Iniciamos o  planejamento das ações a partir de um diagnóstico da rede, que nos apontou quais eram os aspectos onde deveríamos intervir  a fim de alcançar os objetivos propostos, que têm como foco a aprendizagem significativa de nossos alunos. Isso envolveu ações como a formação continuada de nossos docentes, encontros formativos com diretores e equipes pedagógicas, envolvimento dos pais e aulas com metodologias ativas. O resultado alcançado é fruto de um trabalho coletivo que comprova nosso compromisso com a educação de qualidade”, concluiu a educadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito