Emiliano Díaz vê elenco do Botafogo com muita técnica e acredita em recuperação

Até agora foi apenas um jogo e a segunda semana de treinos chegando ao fim. Depois da derrota para o Red Bull Bragantino, o Botafogo de Ramón Díaz corre contra o tempo para tentar encontrar a própria cara. Enquanto o técnico argentino não volta do procedimento cirúrgico que realizou, é o filho dele, Emiliano Díaz, quem está em busca da identidade. Em entrevista para a Botafogo TV, o ex-jogador comentou como anda essa tentativa e exaltou o elenco.

– Seria uma combinação perfeita (talento do futebol brasileiro com intensidade da Argentina). Intensidade não é futebol argentino, é futebol mundial. No futebol europeu se joga muito com intensidade, e o futebol brasileiro tem essa técnica que não tem em nenhum futebol no mundo. Esperamos poder fazer rápido essa mescla para conseguirmos o que queremos. A vontade de mudar tudo rapidamente e, depois, o talento que tem. Fazia tempo que não tínhamos uma equipe com tanta técnica. É prazeroso treinar uma equipe assim.

Osmar Ferreyra e Emiliano Diaz tocam os treinos do Botafogo enquanto Ramón Díaz se recupera — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Na penúltima colocação no Campeonato Brasileiro, o Botafogo não sai da zona de rebaixamento mesmo se vencer o Fortaleza, domingo, às 18h15 (de Brasília), no Nilton Santos. Ainda sem Ramón, as instruções tem sido passadas por Emiliano, que diz conhecer exatamente o que o pai busca.

– Ele tem que terminar o tratamento antes de vir. Nós passamos a ele todos os treinamentos e partidas, temos vídeo-chamadas constantemente. Ele está em casa, tranquilo, mas a informação é constante, ele vê os treinos e as partidas e nos dá seu ponto de vista. Faz anos que trabalhamos juntos, já nos conhecemos, sei o que Ramón quer e pretende. Esperamos que se recupere e venha o mais rápido possível.

Ramón Díaz conversa com o elenco do Botafogo no dia da apresentação — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Apenas com o Campeonato Brasileiro pela frente, a comissão técnica argentina tem se beneficiado com o respiro no calendário. Se a eliminação para o Cuiabá na Copa do Brasil não trouxe o dinheiro que o clube desejava ganhar, ao menos permitiu que Ramón Díaz e equipe pudessem ter mais tempo para trabalhar e não se sufocassem com a pesada sequência de jogos nesta temporada.

– Recuperar a intensidade é o que queremos. Ramón nos pede e estamos trabalhando para ter uma ideia clara de jogo. Estamos muito confiantes, porque o grupo nos transmite a tranquilidade e a vontade de reverter a situação. Confiamos muito que Botafogo vai conseguir um bom resultado e, sobretudo, que vai haver uma mudança. Chegamos há uma semana, há muitos jogos ainda, então temos que manter a tranquilidade e ficar unidos. Não tenho dúvida que esse grupo vai levar o Botafogo adiante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito