Crivella vistoria ações do cuidar da cidade em Vila Valqueire

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, levou nesta quinta-feira (24/1) o Cuidar da Cidade a mais um bairro carioca: desta vez, Vila Valqueire, na Zona Oeste. O mutirão de zeladoria programou o atendimento a 523 chamados registrados pela população do bairro na Central 1746. Essa é a terceira fase do programa, que nos últimos 15 dias realizou 411 atendimentos em Rocha Miranda (no dia 8), na Zona Norte, e Santa Cruz (no dia 17), também na Zona Oeste.

– Ontem à noite já fizemos a limpeza de ralos e tubulações na Rua Intendente Magalhães. Hoje estamos fazendo as podas e também tapando buracos. Em três dias, vamos atender todos os pedidos do 1746. Vamos deixar zerado aqui na Vila Valqueire, em termos de buracos, podas de árvores, troca de lâmpadas e limpeza de bueiros e galerias – informou Crivella.

As ações do Cuidar da Cidade realizam serviços como tapa-buraco, reparos na iluminação pública, reforço de pintura, sinalização de trânsito, troca de lâmpadas queimadas, drenagens de bueiros e caixas de ralo, poda e plantio de árvores, capina e outras ações . Diversos órgãos da administração municipal participam da ação, dentre eles, a Secretaria de Conservação e Meio Ambiente (Seconserma), a Comlurb, a Rio Águas, a Cet-Rio, a Rioluz e a Fundação Parques e Jardins (FPJ).

Em Vila Valqueire, onde o programa vai realizar serviços em cerca de 30 ruas, Crivella andou pelo bairro, cumprimentou moradores e ouviu pedidos. Um deles, da professora aposentada Maria José de Mendonça, de 70 anos, que solicitou a poda de uma amendoeira em frente ao prédio onde mora. O prefeito determinou que uma equipe fosse ao local para realizar o serviço.

– Fiquei muito feliz, é maravilhoso! Agora vai ficar bem melhor. Daqui a pouco vêm as chuvas de verão, então, esse serviço é muito importante –, disse Maria José.

Lídia Nobre, de 72 anos, também aposentada, fez dois chamados no 1746, ambos atendidos. Ela mora há 42 anos em Vila Valqueire e ficou feliz com as melhorias no bairro.

– Há muito tempo venho pedindo, sou uma pessoa que ama o bairro, moro porque gosto. Estava faltando muita coisa, como as papeleiras. Fiz o pedido no 1746 para consertar o asfalto da minha rua e fizeram. Também pedi poda de árvore, e estão fazendo. As folhas tampam as lâmpadas, fica escuro, dando chance à violência. Fico muito feliz e agradecida pelo fato de as autoridades estarem prestando atenção – comemorou Lídia.

Criado pelo prefeito Crivella e desenvolvido pela Secretaria Municipal da Casa Civil, em conjunto com o Centro de Operações Rio (COR) e a Central 1746, o Cuidar da Cidade estabelece um calendário de mutirões de ações de zeladoria. O programa se baseia nos chamados abertos pela população através do atendimento do 1746. Equipes dos vários órgãos atuam de forma integrada durante um dia inteiro em bairros com concentrações mais relevantes de chamados. O objetivo é reduzir o número de solicitações em aberto em toda a cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: