Crivella acompanha implosão de prédio do IBGE

Terreno na Mangueira dará lugar a empreendimento do Minha Casa Minha Vida

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, acompanhou na manhã deste domingo (10) a implosão do segundo prédio do IBGE, na Rua Visconde de Niterói, na Mangueira, Zona Norte do Rio. Com a segunda etapa da implosão concluída, haverá a limpeza total do terreno, em um prazo estimado de 60 dias. No local, será construído um condomínio do programa Minha Casa Minha Vida. As 256 famílias que viviam nestas edificações – que apresentavam riscos estruturais – e que foram cadastradas pela Prefeitura , estão recebendo aluguel social no valor de R$ 400 mensais e serão os futuros moradores do condomínio. O primeiro prédio instalado no terreno do IBGE foi implodido no dia 13 de maio.

Foram necessários 200 quilos de explosivos para que o prédio que fica à beira da Rua Visconde de Niterói viesse abaixo em segundos. Cerca de 800 pessoas que moram ou têm comércio próximo da área da implosão foram retiradas de seus imóveis por motivo de segurança. Houve um atraso de 16 minutos no horário marcado, por conta da necessidade de retirada de moradores que ainda permaneciam em suas casas.

Crivella destacou a importância de a prefeitura ter assumido o a responsabilidade pelo prédio, que corria risco de desabamento

– Alí viviam centenas de famílias em condições subumanas há mais de 20 anos. Esse  prédio pertencia à prefeitura e foi devolvido para o governo federal exatamente porque não se queria assumir a responsabilidade de um possível desabamento. Demorou para que eu pudesse trazer de volta para o município e aí fazermos essa série de implosões para criar o sistema do Minha Casa Minha Vida. As famílias estão hoje em aluguel social e, logo, logo, vão voltar. As pessoas estão sendo reassentadas no lugar onde estavam. Então, não há remoção – disse o prefeito.

Crivella disse, ainda, que o empreendimento irá mudar a antiga imagem de abandono do local

– Vai ser um condomínio com ruas, praças e até piscina, transformando aquela imagem antiga de abandono. Estamos negociando também com o governador a parte de trás onde era a antiga escola técnica, para que também seja feito um Minha Casa Minha Vida – adiantou Crivella.

Além do prédio do IBGE, Crivella ressaltou que outros empreendimentos do Minha Casa Minha Vida serão erguidos na região da Mangueira.

– Teremos milhares de apartamentos aqui na Mangueira. Estamos terminando a negociação com a Red Indian, com a antiga Alcoa. Tem também o antigo prédio do Ministério da Fazenda e tem uma área onde ficava o lanifício, que já foi demolida e é da prefeitura. A Mangueira vai receber mais de 1.200 apartamentos – disse o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: