Consumo de bens industriais cresce 5,8% em setembro, aponta Ipea

O consumo de bens industriais cresceu 5,8% em setembro, em relação ao mês anterior, na série com ajuste sazonal, segundo cálculos do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgados nesta quinta-feira.

O Indicador Ipea mensal de Consumo Aparente (CA) de bens industriais havia crescido 4,6% em agosto, no confronto com o mês antecedente. Isso significa que o indicador ganhou ritmo em setembro e reforçou os dados que mostram reação da economia.

Para calcular o consumo aparente de bens industriais, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) soma a produção industrial doméstica às importações, e exclui as exportações.

Em setembro, os bens nacionais cresceram 5,9%, acima dos bens importados (+1,7%). Os destaques positivos do mês foram os bens duráveis, com crescimento de 12% frente a agosto, e os bens semi e não duráveis, com incremento de 10,7% no período.

Com o resultado, o terceiro trimestre de 2020 mostrou crescimento de 14,4% frente aos três meses anteriores, com ajuste sazonal. Nesta comparação, os bens nacionais avançaram 22,5% e os importados recuaram 12,1%.
Apesar da melhora recente, o consumo aparente de bens industriais ainda registra queda de 8,6% no ano e de 6,3% no acumulado dos últimos 12 meses.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito