Com lesões e novatos, Flamengo já usou três duplas de zaga diferentes em início de temporada

O título da Taça Guanabara veio de forma mais sofrida que o imaginado pela torcida do Flamengo, com vitória de virada sobre o Boavista. No início de jogo, o time rival abriu o placar e escancarou um cenário que pode melhorar no Rubro-Negro: a dupla de zaga. Em seis jogos na temporada, o técnico Jorge Jesus já usou três parcerias diferentes.

Recém-chegados, Gustavo Henrique e Léo Pereira formaram a dupla contra o Boavista. Nenhum dos dois convenceu completamente até o momento. Léo, por exemplo, começou mal o jogo e chegou a irritar os torcedores com erros cometidos.

As duplas de zaga do Flamengo em 2020

Jogo Resultado Dupla
Flamengo x Resende 3 x 1 Gustavo Henrique e Thuler
Flamengo x Madureira 2 x 0 Gustavo Henrique e Léo Pereira
Flamengo x Fluminense 3 x 2 Gustavo Henrique e Léo Pereira
Flamengo x Athletico 3 x 0 Rodrigo Caio e Gustavo Henrique
Flamengo x Del Valle 2 x 2 Rodrigo Caio e Gustavo Henrique
Flamengo x Boavista 2 x 1 Gustavo Henrique e Léo Pereira

O próprio técnico Jorge Jesus reconheceu, após a partida, que os dois reforços ainda precisam se acostumar melhor ao Flamengo. Não só em termos táticos, mas também com toda a cobrança inerente a jogar no clube.

– A camisa ainda está um pouco pesada. Com o tempo vão se habituando, porque são excelentes jogadores. Com certeza vão se habituar à pressão de jogar no Flamengo – disse o Mister.

Gustavo Henrique é o único zagueiro que atuou nos seis jogos do time principal do Flamengo no ano — Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Nos primeiros jogos, Jesus já havia dito que Gustavo Henrique ainda precisava se habituar melhor às ideias defensivas do Flamengo, apontando que Léo Pereira estava mais avançado neste aspecto.

Entretanto, uma lesão na coxa esquerda impediu que Léo tivesse uma sequência de partidas. Ele enfrentou Madureira e Fluminense e só voltou diante do Boavista. Sequer fez uma partida com Rodrigo Caio, no que seria a dupla de zaga titular ideal segundo as indicações de Jorge Jesus.

De fato, os problemas físicos impediram qualquer tipo de sequência na dupla de zaga do Flamengo. Rodrigo Caio, por exemplo, ficou fora das primeiras partidas devido a um corte no joelho. Voltou e, em seu segundo jogo, sofreu lesão na coxa.

– Normalmente o Rodrigo Caio, em condições físicas, é ele e mais um dos dois (reforços). Conhece perfeitamente nossas ideias defensivas. Já sabe o que é jogar no Flamengo, o quanto pesa a camisa do Flamengo – afirmou Jesus.

Para a próxima partida, contra o Independiente Del Valle, quarta-feira, no Maracanã, o Flamengo terá à disposição Gustavo Henrique, Léo Pereira e Thuler. Rodrigo Caio ainda se recupera da lesão na coxa. A tendência é que seja mantida a zaga que enfrentou o Boavista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TV Prefeito